>

trança boxeadora

Leia mais

material escolar 2016

Leia mais

closet confidential tag

Leia mais

dicas para 15 anos

Leia mais

MÚSICA: Victor Pradella

Leia mais

Sobre

| |

Oii, eu sou a Sofia Mota. Eu sempre gostei muito de ler, mesmo quando eu não sabia, amava pegar meus livros e inventar histórias! Com 4 anos aprendi a ler e fiquei muito feliz, porque poderia ler meus livros sozinha e na hora que eu quisesse! Uma das coisas que eu também sempre adorei foi tirar foto. Meu pai era fotógrafo, e em todas as oportunidades ele tirava fotos minhas no estúdio lá de casa.
Eu adorava ser fotografada, e cheguei até a fazer campanha para uma loja. 

Uma das coisas que eu também sempre gostei foi moda. Amava ver as roupas da minha mãe, revistas, brincar de loja... Ah! Aos meus seis anos eu fiz um livrinho que vendi por 1 real para amigos da família: "A Vida Saudável e A Profissão". Legal né? Além de tudo isso, eu nasci em um lar evangélico, cristão, e sempre fui temente a Deus. 

Bom, o conjunto de todas essas coisas e influência dos meus pais refletem em mim hoje! Continuam sendo minha paixão falar sobre Jesus, escrever, literatura, moda e fotografia. 

Então, quando eu tinha 9 anos criei meu primeiro blog e sucessivamente fui criando outros. O que mais durou foi o As Estrelas e Eu, que tem mais de 246 mil acessos que recebe até hoje. Eu amava falar sobre os famosos do mundo teen, e o blog estava sempre atualizado. 

Porém uma hora eu decidi que iria criar um blog de moda, e comecei a reinventar meu estilo de blogar. Então em meio a tantas tentativas e blogs, vim parar aqui! O Diário da Sofia foi criado em janeiro de 2014, e vem conquistando vários leitores que estão sempre me elogiando... 

As vezes bate uma preguiçinha de postar, mas não consigo parar, eu amo isso! Não consigo me conformar em usar a internet apenas para redes sociais, então resolvi criar esse meu cantinho definitivo.  

Claro que eu quero ver o blog crescer, mas a base de tudo é quando eu estiver lá na frente ver como eu era agora, adolescente. Quero sentir como se estivesse mesmo lendo o meu antigo diário. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário