Bye bye 2018 - relembrando os melhores momentos

16:15

Janeiro, com uma das minhas melhores amigas em Guarapari
O ano começou muito bem: passei 10 dias incríveis na terra capixaba e pude curtir o verão com os amigos que encontrei por lá. Eu sentia que estava renovando minhas forças para o ano puxado de estudos que ainda estava por vir. Me permiti me conectar com o mar e ter momentos de solitude. 

Em fevereiro, resolvi cortar uma franja - maior arrependimento capilar
No meado de fevereiro, depois de cortar uma franja, tentava remarcar uma escova progressiva no cabelo para retocar a raíz. Depois de os horários nunca baterem e de curiosidade, resolvi que deixaria meu cabelo natural voltar a crescer.

cumpri minha meta de frequentar a academia (março/abril)

No final de maio, vivi um dos dias mais marcantes da minha vida: assisti o show de um dos meus artistas preferidos, Harry Styles. Não sabia falar/pensar em outra coisa.

 Em junho, me iludi muito com o hexa e comecei a testar texturizações no meu cabelo. Foi importante pra me acostumar com o possível volume que o meu cabelo natural terá.
18 anos no dia 18 de julho de 2018. Me diverti muito com meus amigos.

No fim de julho, fui à FLIP. Ir à Paraty foi uma das minhas road trips preferidas e me trouxe um sentimento de confirmação do meu amor pelas estradas.

2018 foi um dos anos em que mais curti minha família. E que conheci meu príminho, Emanuel

Arrisco a dizer que 2018 foi o ano em que mais fui à festas. Talvez perca para 2015, que tinha as de 15 anos.Obrigada aos envolvidos!
Me vesti de Malévola às vésperas das eleições.
Exerci meu direito democrático de ir votar pela primeira vez. Achei maravilhoso, apesar do resultado ser diferente do que eu gostaria! Sem dúvidas, essas eleições influenciaram muito o meu ano e as mudanças que vieram com ele.


 Em novembro eu enfrentei o ENEM. Só gratidão pelos professores que Deus colocou na minha vida pra me ajudarem nesse desafio! 

Esse também foi o mês que eu me apaixonei por São Paulo. Lá, encontrei a frase que me motivou por muito tempo durante o ano em 2018. Essa foi uma viagem especial.

 Dezembro foi o melhor mês. Acabei de perceber. Reencontrei minha turma do fundamental e só consegui ser grata por ter eles comigo até hoje.

Conheci pessoalmente a banda que participou da trilha sonora do meu 2018 todinho. Das melancolias até momentos felizes. Obrigada, Lagum!


 E quem diria, que 2018 seria o ano da minha primeira viagem internacional? Eu não podia me sentir mais feliz! 
Lembro de no início do ano ver esse café pelo instagram e ficar apaixonada. Quando iria imaginar que terminaria meu ano lá? Obrigada, Buenos Aires!

Pensando bem, 2018 foi o ano em que eu mais mudei internamente na minha vida. É como se fosse o começo de muita coisa que estar por vir, sabe? Cada pessoa e cada momento que passou me transformaram de alguma forma. Só consigo ser grata!

Vamos ver o que 2019 reserva pra mim...
xoxo,
Sofia Mota

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Like us on Facebook

Newsletter